Palace Hotel - Caxambu

quarta-feira, 26 de abril de 2017

O PARQUE E SUAS RELÍQUIAS ARQUITETÔNICAS.

O PARQUE E SUAS RELÍQUIAS ARQUITETÔNICAS
By José Celestino Teixeira



O Parque das Águas em Caxambu, não tem só suas Fontes de Águas Minerais e suas trilhas ecológicas. Tem um Acervo Arquitetônico de singular beleza. O Prédio do Balneário, o Fontanário, as Alamedas Bucólicas e as Obras ímpares do Chico Cascateiro. Mas, tem também, um Prédio Monumental de Rara Beleza, mas oculto a muitos olhares. Trata-se do Prédio do Engarrafamento das Águas, que nos Tempos Áureos da Explotação das Águas Minerais comercializadas por todo País, com a tradição da Soberana das Águas. Quem soube muito bem cuidar com zelo e muito carinho desse patrimônio Arquitetônico foi a Família Gama Cruz ( O Velho Gama Cruz, o Dr. Caio e o Arquiteto Cláudio da Gama Cruz), no tempo em que a Empresa das Águas esteve sob a Gerencia Contábil do então Sr. Edmundo Dantas. Naquele Tempo, Sim, o Parque foi um Primor. Hoje, este Prédio de Características Singulares se esconde por trás das alterações arquitetônicas do seu entorno.