Palace Hotel - Caxambu

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Polícia Civil prende suspeito de usar máquina de choque para praticar roubos

Pouso Alegre: 
Polícia Civil prende suspeito de usar máquina de choque para praticar roubos



Na manhã desta quarta-feira (12), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) cumpriu mandado de prisão temporária em desfavor de Luciano Gonçalves de Sousa, 40 anos. Ele é suspeito de praticar roubos no município, utilizando-se de um aparelho de choque. Em um intervalo aproximado de seis horas, foram registradas duas ocorrências em que ele é acusado de usar o equipamento como forma de coagir as vítimas e subtrair seus pertences.

No primeiro caso, por volta de 23h30, do último dia 1º de julho, Luciano abordou um homem de 60 anos, no loteamento Alfredo Custódio de Paula, e roubou o veículo Kadet e o aparelho celular da vítima. Dois dias depois, o carro levado, dirigido por Gabriel Valdemar da Silva, 19 anos, se envolveu em um acidente no bairro Cidade Jardim, e o condutor foi preso por receptação. 

Já a segunda vítima, uma mulher de 42 anos, foi surpreendida por Luciano no bairro Jardim Satélite, em torno de 6h30, do dia 2 de julho. Ela foi agredida, inclusive atingida por uma descarga elétrica na região do pescoço, e teve subtraída sua bolsa com diversos pertencentes. Para a prática do crime, o investigado usou um veículo Palio Weekend.

De acordo com o delegado Renato Gavião, os levantamentos da equipe de investigação chegaram ao suspeito. “De posse de todas as informações e análise das imagens de uma câmera de vigilância, foi possível identificar o veículo, bem como qualificar o investigado. Dessa forma, foi requerido perante a Justiça a prisão temporária de Luciano”, conta Gavião. O suspeito foi encaminhado ao sistema prisional e está à disposição da Justiça.


Assessoria de Imprensa - Polícia Civil de Minas